Como a Igualdade de Gênero pode Impulsionar o Seu Negócio

Como a Igualdade de Gênero pode Impulsionar o Seu Negócio

Confira apresentação feita por Lícia Souza, advogada com mais de 20 anos de experiência em gestão empresarial, fusões e aquisições e Corporate Venture Capital. Apaixonada por tecnologia e empreendedorismo, Lícia é aliada dos WEPs (Women´s Empowerment Principles junto à ONU Mulheres), e fundadora e CEO da WE Impact, e mãe da Júlia.

 

Por que a Inclusão de Gênero é relevante para as empresas?

Trazer o tema de inclusão para o centro da cultura não é uma ação filantrópica, mas atuar em um pilar que traz mais inovação ao negócio, gera maior retorno financeiro e ainda gera impacto social positivo.

As mulheres representam 51,8% da população brasileira, compõem o 3o maior setor produtivo e mercado consumidor do mundo, são responsáveis por 80% das decisões de compras. Ainda assim sua participação econômica e em oportunidades se distancia em 132 anos da participação masculina. 

Esse número, não apenas reflete a menor participação feminina em representatividade no mercado de trabalho mas em representação política e diversos outros aspectos. Esse distanciamento não é tolerável e é ainda mais preocupante no Brasil. Segundo o Fórum Econômico Mundial, o Brasil ocupa a 93a posição no ranking mundial entre 153 países em relação à igualdade de gênero. Aí está a oportunidade de melhorarmos as práticas aplicadas em diversidade e inclusão fazendo muita diferença.

No mercado de tecnologia, as oportunidades são ainda maiores. No Brasil, mulheres ocupam apenas 20% das vagas em tecnologia, apenas 4% das startups são fundadas por mulheres e somente 1,7% das fundadoras de startups atuam nas áreas de tecnologia. Isso se deve normalmente a haver menos mulheres em carreiras de STEAM, refletindo-se no ambiente de trabalho.

 

 

Por outro lado, times diversos efetivamente têm melhor desempenho em inovação, colaboração e inclusão, com impacto positivo na saúde organizacional e performance financeira das empresas, segundo relatório da McKinsey. 75% das empresas têm resultados melhores com mulheres na liderança e empresas com diversidade de gênero em equipes executivas têm 25% mais probabilidade de ter lucratividade acima da média.

 

A baixa inclusão de gênero é uma injustiça social que é resultado sistêmico de práticas culturais que avançam ao longo do tempo.

Alguns exemplos são:

 

Baixa participação no mercado de trabalho: 

Tradicionalmente, homens trabalhavam fora e mulheres ficavam em casa, cuidando dos filhos.

 

Acúmulo de funções (jornada dupla ou tripla):

Ao longo do tempo, as mulheres passaram a trabalhar fora, mas continuaram com a responsabilidade de cuidar da casa e dos filhos.

 

Vieses inconscientes:

59% dos brasileiros não se sentem muito confortáveis com uma mulher como CEO.

 

Crenças limitantes:

Como, por exemplo, inferir que “tecnologia não é coisa de mulher”.

 

Diferenças de tratamento:

Salários mais baixos e menor propensão a contratar mulheres por conta da possibilidade de gravidez.

 

Protagonismo na mudança de cenário

Transformar o contexto atual de baixa inclusão de gênero nos negócios é positivo para todos e deve fazer parte do dia a dia das empresas.

Alguns exemplos de espaços para promover a inclusão são:

  • Na criação de produtos e serviços, incluindo estudos para o público feminino
  • Nas contratações, prevendo vagas afirmativas e trazendo pessoas não sêniores
  • Na escolha de fornecedores, uma prática já para grandes empresas
  • No desenvolvimento profissional do time, de forma correlacionada à contratação, criando espaços de crescimento para as mulheres que são trazidas para integrar o negócio.

 

Sobre a WE Impact e o Selo de Inclusão de Gênero

A WE Impact é a primeira Venture Builder dedicada a investimentos em empreendimentos liderados por mulheres, um produto da empresa Berta Capital, gestora de investimentos, que investe em empresas de base tecnológica. Tem como propósito gerar impacto positivo na sociedade por meio da equidade de gênero no ecossistema de tecnologia e inovação. Em sua atuação, investem em startups fundadas e lideradas por mulheres e realizam advocacy de equidade de gênero para criar uma cultura corporativa mais diversa e inclusiva.

A WE Impact criou, em fevereiro de 2023, o Selo Inclusão de Gênero em parceria com a Match<IT> não apenas com a finalidade de reconhecer os Tech Sellers que já possuem boas práticas de inclusão de gênero mas também apoiar no desenvolvimento das empresas nesse sentido. O selo sumariza diversas ações a serem tomadas em linha com as melhores práticas de inclusão. Os Buyers já têm essa preocupação no relacionamento com seus fornecedores. A atenção às boas práticas de governança e ESG nas corporações já é realidade, e contar com fornecedores certificados por essa iniciativa é um mecanismo de facilitação da aplicação dessa pauta em sua cadeia de suprimentos. 

Para Tech Sellers que buscam conhecer os requisitos e obter o Selo de Certificação, o processo é 100% gratuito e disponível neste link.

E para apoiar as empresas Tech Sellers em sua jornada de evolução no tema, a WE Impact criou uma cartilha com 7 princípios adaptados ao ambiente de tecnologia e em startups ou empresas em estágio inicial. O material foi desenvolvido com a proposta de apoiar empresas de qualquer porte a incorporarem elementos de diversidade em todos os seus processos, desde valores e condutas até a criação de produtos, organização interna e relação com o público externo. Essencialmente, fazer parte dessa evolução é uma questão de atitude, de mindset propositivo. O download é gratuito e pode ser feito por este link.

As boas práticas de equidade de gênero já se tornaram um requisito determinante nas políticas de compras e contratações das maiores empresas globais. Como exemplos de empresas que já acreditam nessa transformação e apoiam a WE Impact estão: Microsoft, Flex, Magnamed, KPMG, Grupo Multi, Sabin, Porto Seguro, Sinqia e Suzano. Essa tendência reforça a importância da iniciativa de promoção do Selo Inclusão de Gênero no ambiente de tecnologia.

Lícia encerrou a apresentação destacando uma frase de Michelle Obama: “Você pode viver no mundo como ele é, ou pode trabalhar par criar o mundo como ele deveria ser”.

 

Como encontrar Tech Sellers com o Selo Inclusão de Gênero na Match<IT>?

Toda pessoa cadastrada gratuitamente como Tech Buyer na plataforma pode buscar na sessão Sellers em Destaque pelo filtro ODS 5 – Inclusão de Gênero, para identificar as empresas fornecedoras de TI que já receberam o selo.

 

Além disso, quando um Tech Seller possui o selo, ou outros selos de Certificação Match<IT>, esse diferencial é apresentado na sessão interna do match com Buyers.

 

Sobre o conteúdo:

A apresentação que embasa esse artigo foi realizada no Club<IT>, evento online voltado para a comunidade de Tech Sellers, do dia 15/02/2023, com pauta relacionada a liderança e gestão de equipes.

Confira a apresentação de Lícia Souza na íntegra:

 

 



× Como posso te ajudar?