Outsourcing: a mão extra para os desafios do roadmap.

Outsourcing: a mão extra para os desafios do roadmap.

Escolher o fornecedor de tecnologia ideal para os desafios do negócios envolve muito mais do que escanear uma série de listas de preços de consultorias outsourcing.

Afinal, o déficit de profissionais de TI no mercado é alto e sua escolha pode depender de avaliar uma ampla gama de fatores, como custo-benefício, qualidade, confiabilidade e serviço diferentes. 

E a forma como você avalia a importância desses diferentes fatores será baseada nas prioridades e na estratégia do seu negócio.

Apesar de em modo geral considerarmos como fornecedores ideais aqueles que oferecem produtos ou serviços que atendem – ou superam – as necessidades do seu negócio, em projetos que envolvem tecnologia itens referentes à cultura entre as organizações também devem ser considerados.

Ao passo que é realizada a gestão do time interno, os valores são compartilhados com os membros terceirizados da organização e todos precisam seguir juntos com o mesmo objetivo.

Como a oferta de profissionais de tecnologia não está acompanhando a demanda dentro das empresas, este conteúdo tem a missão esclarecer sobre o ecossistema de terceirização de serviços de TI.

Outsourcing: uma estratégia para otimizar a gestão de projetos e tarefas.

Antes de explorarmos todas as vantagens do outsourcing é importante salientarmos as transições que estamos vivenciando que impactam o mercado de TI. 

As migrações para soluções em nuvem, o aumento da adoção de plataforma SaaS, os investimentos em produtos digitais, infraestrutura, automatizações e ações ligadas à sustentabilidade dos negócios já eram tarefas cotidianas em grande e médias empresas que necessitavam de profissionais de TI, muito antes do substancial aumento  gerado pela pandemia.

De acordo com a pesquisa do Gartner, realizada em setembro de 2021 mundialmente, pontua que as empresas acreditam que a escassez de talentos é o maior obstáculo no caminho de 64% das novas tecnologias que gostariam de adotar.

Da mesma forma que no mundo há um déficit de profissionais de TI no Brasil não é diferente.

Segundo os dados da Brasscom – Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação – especialistas afirmam que hoje os recrutadores focados em encontrar profissionais para os negócios que envolvem TI, levam até três meses para preencher um único posto. Saiba mais sobre o mercado nacional. 

E para competir no mundo híbrido as empresas precisam adaptar seus processos de produção, vendas, pagamentos, logística para atender consumidores em diversos canais, o que demanda constantemente por profissionais de tecnologia.

Deste modo para suprir as necessidades das empresas por profissionais de TI, o outsourcing é a solução para encontrarmos rapidamente profissionais especializados em diferentes tecnologias.

O que é outsourcing?

Ao passo que as empresas aumentam suas atividades dentro dos departamentos, é comum elas terceirizarem suas equipes.

Dentro deste viés, uma empresa externa, uma prestadora de serviços terceirizada, providência trabalhadores capazes de executar as tarefas, seja no local, nas próprias instalações da empresa contratante, locais externos ou home office. Formato de trabalho bastante comum nos times de TI.

Primordialmente, parcerias entre empresas ganharam espaço como forma de reduzir custos, melhorar a eficiência e ganhar velocidade. 

Já que, o provedor terceirizado – outsoursing – se concentra em uma tarefa específica, é capaz de fazê-lo melhor, mais rápido e mais barato do que a empresa contratante fosse criar um time interno para a demanda.

Conforme o bate-papo entre o Pedro Braga – Marketing Advisor–  e o nosso CTO, Ivan Nevado no vídeo existem diversos motivos para contratar outsourcing de TI, dentre eles, destacamos:

  • Escalabilidade: acelerar entrega de projetos aumentando o foco da empresa;
  • Reputação: contratar uma força extra para mitigar ou reagir a possíveis crises;
  • Disponibilidade: acesso mais rápido para contratar talentos mundiais.
  • Distribuir os riscos dos projetos com a empresa parceira.

Diante desses benefícios, as empresas muitas vezes decidem terceirizar parte do time de TI dentro de seus negócios para que possam concentrar seus recursos mais especificamente em suas competências essenciais, ajudando-as a obter vantagens competitivas no mercado.

Diversidade: o mix de talentos que impulsionam o negócio.

Do mesmo modo que podemos contratar outsourcing para desenvolver um projeto do zero até chegar nas atividades de sustentação, muitas equipes são compostas por pessoas do time interno e terceirizados. Esta conjunção têm grandes benefícios.

É muito comum encontrarmos em projetos grandes, profissionais especializados do time de tecnologia da contratante, junto com parceiros de fornecedores externos que  vem agregar com seu conhecimento de outras empresas e projetos.

Com a necessidade de ter líderes do negócio em diversas iniciativas do roadmap de tecnologia, as equipes híbridas potencializam os resultados das empresas. 

Contudo, antes de montar uma equipe híbrida é vital analisar aspectos relativos à cultura das empresas que estarão envolvidas no projeto.

Ou seja, antes de fechar a parceria devemos analisar se o jeito de tratar os colaboradores e os valores estão em sinergia.

Neste sentido, os valores da empresa contratante devem ser os mesmos da empresa contratada para que o time possa caminhar engajado. Já que é no dia a dia, quando surgem os desafios as habilidades interpessoais que ajudam o time a superar pontos de vista diferentes.

Afinal, em era onde soft skills como a vontade de aprender, ter uma comunicação clara, ter a capacidade de tomar decisões, ser adaptável e tantas outras importantes habilidades individuais são essenciais para a entrega dos projetos, haja harmonia entre todos do time e para que a parceria seja fluída.

Apesar de podermos contratar outsourcing em tecnologia em diversos formatos as mais comuns são:

Terceirização baseada em projetos: também conhecido como Software Development Outsourcing, Nearshoring, Offshoring, etc. 

Neste caso, a empresa contratante fornece todas as informações relacionadas ao projeto para o provedor externo de terceirização e este provedor faz todo o desenvolvimento de software, garantia de qualidade e gerenciamento de projetos.

Pessoal de fora: também conhecido como Body Leasing. 

Em caso de terceirização, a empresa compra o tempo dos funcionários do provedor de terceirização de TI. Normalmente, a empresa paga taxas baseadas em horas ou mensais.

Abertura do Centro de P & D: também conhecido como Offshore Office. 

Para crescer no mundo globalizado é preciso adequar seus produtos, algumas empresas abrem um escritório de pesquisa e desenvolvimento em outro país  e contratam pessoas locais.

Contratar profissionais de TI especializados locais é uma grande vantagem, já que eles estão habituados com os processos de pagamentos, produção, logística e  questões relativas à cibersegurança no país.

Ao mesmo passo que terceirizar a TI tem benefícios, vale lembrar que as empresas que terceirizam também podem enfrentar maiores riscos de segurança.

Pois trocam com seus fornecedores terceirizados as informações proprietárias da empresa ou dados confidenciais que podem ser usados indevidamente, manipulados incorretamente ou expostos inadvertidamente pelo fornecedor terceirizado.

Esse fator, a liability – informações que devem ser mantidas em segurança – faz com que as empresas contratantes busquem por fornecedores de tecnologia considerados de grande porte – empresas com mais de 500 colaboradores no Brasil-  ou mantenha fornecedores de sistemas antigos em projetos novos.

Como preço é a porta de entrada em muitas empresas, para mitigar riscos de segurança e propriedade intelectual os novos fornecedores são contratados para demandas menores até que o relacionamento esteja sólido em ambas as partes.

Seja como for, o modelo de terceirização, o mais importante em outsourcing, é o  gerenciamento do relacionamento do que os acordos de nível de serviço, ambos devem pensar em uma parceria.

Manter e garantir um relacionamento confiável em ambos os lados da mesa é essencial para a parceria. Afinal, é uma relação ganha-ganha onde ambos devem respeitar prazos e compromissos.

Como contratar terceirizados em TI.

Antes da Match<IT>, a busca por parceiros em grande parte em TI era realizada através de indicação, ou pesquisa em grupos e sites.

Basicamente os líderes de negócios pesquisaram via networking por algum fornecedor que já tivesse implementado um projeto com o mesmo desafio.

Um processo ineficiente já que cada empresa tem um sistema legado específico que pode exigir profissionais com capacidades diferentes, mesmo que o objetivo final seja comum.

O processo mais eficiente para encontrar o fornecedor ideal de outsourcing é cadastrar a demanda na plataforma Match<IT>.

Afinal, nossa solução mapeia as necessidades descritas no escopo do projeto, analisa junto às informações de preço, disponibilidade e cultura dos potenciais fornecedores para e dá o match indicando os três top fornecedores de TI para a demanda.

Por consequência, a plataforma oferece um gráfico que permite avaliar sua aderência ao escopo registrado pelo comprador e cabe ao contratante a função de entrar em contato com o fornecedor. Sempre respeitando a privacidade de quem compra.

Tudo isto gratuitamente, com poucos cliques, em questão de quatro horas o Buyer da empresa contratante recebe por e-mail os contatos dos potenciais fornecedores. 

Para identificar com facilidade quem escolher dos fornecedores, siga nossas dicas:

  • Solicite cases de sucesso de projetos já implementados;
  • Não decida apenas com base no range -preço;
  • Conheça as pessoas que estão por trás do CNPJ.

Para finalizar, pontuamos que diversificar os fornecedores dentro das corporações colabora para mantermos a eficiência dos fornecedores atuais  e evitar com que eles se acomodem em relação à concorrência.

Esta variação de fornecedores dentro das corporações impulsiona todo o mercado de TI  a capacitar seus times e trazer novas tecnologias para suas empresas que agregam  mais valor aos projetos. 

Abrir o leque ajuda a acelerar a performance dos projetos, além de colaborar para que o time desenvolva produtos mais funcionais pois tiveram a contribuição de um time diverso com conhecimentos diferentes.

Contrate fornecedores outsourcing de forma mais assertiva cadastrando seu projeto na Match<IT>.

 



× Como posso te ajudar?